segunda-feira, 29 de maio de 2017

Música para os meus ouvidos


"Hay que endurecerse, pero sin perder la ternura jamás". Ainda mais nesses tempos duros, em que o amor e a crença na humanização das pessoas parece ter ido habitar outros planetas.

Mas não existe saída melhor que seguir em frente e invocar os sons que tocam as emoções.




Nenhum comentário: