Sobre o Blog do Toninho

O Blog busca retratar coisas da vida interiorana e do meu interior, numa abordagem que mistura reflexão, notícias, riso, poesia, musicalidade, transcedentalidade e outras "cositas más". Tudo feito com produções próprias, mas também com a reprodução do pensar ou do sentir dos grandes gênios que o país e a humanidade pariram.

quinta-feira, 2 de abril de 2015

Associação faz transporte de estudantes a Pelotas



Criada em janeiro deste ano e com inicio das atividades dia 23 de fevereiro, a Associação Estudantil Hervalense, tem por objetivo levar estudantes que residem em Herval para cursos na cidade de Pelotas.

A ideia surgiu pela necessidade dos alunos de Herval ter um meio de transporte para poder se qualificar através do estudo. Com este objetivo foi fundada a Associação, que fez parceria com a Prefeitura Municipal, a qual está destinando, através de convênio, um valor mensal de R$ 2,5 mil.

De acordo com Leandra Vieira, uma das coordenadoras da Associação, pode ser transportada pessoas que estão participando de cursos reconhecidos pelo Ministério da Educação. “Hoje estamos com uma lotação de 18 pessoas, mas o veículo tem capacidade para 24 lugares e a empresa responsável pode disponibilizar até um veículo maior, dependendo da demanda”, informa Leandra.

O micro-ônibus sai da Praça Central todos os dias às 16h30min, retorna de Pelotas às 23 horas e chega novamente a Herval por volta da 1 hora.

Interessados em fazer parte da Associação, para poder usufruir do transporte, devem procurar Leandra Vieira ou Niara Ávila, no setor de Compras e Transportes da Prefeitura de Herval, ou através do telefone (53) 8434-2482. O valor da mensalidade paga a Associação é de R$ 7,90 e existem diversas categorias de sócios e o valor do transporte é de R$ 275,00, independente do número de vezes na semana que o aluno for utilizar o mesmo.


TEXTO: jornalista Nívea Bilhalva de Oliveira
Publicado originalmente no site da prefeitura: www.herval.rs.gov.br

Nenhum comentário:

Música para os meus ouvidos

Viva Cazuza! Viva as canções que tocam as feridas e mostram que a vida é muito mais migalhas, máscaras ou arremedos de vida!