quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Música para os meus ouvidos


Chove lá fora e aqui dentro a estiagem da alma me devora. Do outro lado da rua a vida é tão real e segura, mas onde me encontro (ou seria me perco!) tudo é ficção e volátil. Logo ali tudo é agitação e burburinho, porém em mim faz-se um silêncio que assusta e afasta da matéria. Estou só e o que me resta é ligar o rádio e navegar nas ondas desse amor inventado...




Nenhum comentário: