quarta-feira, 3 de junho de 2015

Secretário em busca da Cessão de Uso para o Centro Municipal de Saúde



Há alguns meses a administração municipal vem pleiteando a renovação da Cessão de Uso do prédio que abriga o Centro Municipal de Saúde pelo prazo de mais 20 (vinte) anos.

A estrutura pertence ao patrimônio do estado e o pretendido instrumento jurídico é essencial para assegurar a regularidade da área ou mesmo embasar eventuais intervenções no local a cargo da prefeitura.

Na tarde de ontem (3), o secretário de planejamento e meio ambiente, Toninho Veleda, participou de nova reunião na Secretaria de Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos, órgão do governo estadual que trata do assunto, a fim de reforçar a necessidade do breve atendimento desse pleito.

Na oportunidade, o secretário foi recebido pela servidora Rosemeri Ritt, a qual esclareceu que processo já se encontra em fase final de tramitação e deverá ser concluído brevemente, possibilitando a renovação da Cessão de Uso pelo prazo requerido. Ela ainda esclareceu que a enorme demanda acaba gerando o atraso no andamento de alguns processos, porém a dedicação dos servidores vem assegurando o andamento dos trabalhos. Por fim, argumentou que mesmo que o processo já tenha saído de suas mãos, vai trabalhar internamente para assegurar a finalização desse pleito o mais breve possível, tendo em vista a sua importância e o estágio que ele se encontra no âmbito da Secretaria.

Toninho, por sua vez, agradeceu o atendimento cordial e elogiou a postura altamente profissional da servidora, que desde o primeiro instante abriu as portas do Departamento de Patrimônio do Estado e vem colaborando bastante para o atendimento dessa demanda urgente e necessária para abrir novas possibilidades de investimentos ou mesmo conferir tranquilidade na manutenção do Centro Municipal de Saúde, tanto para a administração municipal quanto ao próprio governo do estado.

Nenhum comentário:

Para pensar

Todo mundo, alguém, qualquer um e ninguém Esta é uma história de quatro pessoas: TODO MUNDO, ALGUÉM, QUALQUER UM e NINGUÉM. Havi...