terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Música para os meus ouvidos


Na vida real, amor normalmente não passa de lenda ou ficção; fonte de vícios ou enganação; motivo para mentiras ou mutilações; mote para expor as vísceras ou a pior face de muitos seres viventes.

No entanto, uma canção de amor sempre faz sentido e tem seu espaço, ainda mais na voz sedutora de Vanessa da Mata.





Nenhum comentário: